PluriBlog

INTOLERÂNCIA AO GLÚTEN: TRATAMENTO

Intolerancia-ao-gluten-o-que-fazer-3

1 – A dieta sem glúten é essencial e a base do tratamento da doença celíaca, conseguindo-se gradualmente a melhoria dos sintomas e da inflamação intestinal.

A dieta deverá ser mantida toda a vida .

Há casos mais raros, que não respondem à dieta sem glúten e que necessitarão de tratamentos mais agressivos habitualmente com corticosteróides.

Hoje em dia existem muitos alimentos sem glúten, disponíveis nos supermercados.

Em todos os alimentos existe sempre a possibilidade de verificar a sua composição (com glúten ou isento de glúten).

2 – Apresentam-se em seguida algumas regras gerais , para o seu dia a dia e para aquele jantar no restaurante da moda…

  • Alimentos que seguramente contêm na sua composição e , como tal, são proibidos: pão, bolos, pastéis, biscoitos, massas, bebidas destiladas e produtos manufaturados confecionados com farinhas de trigo, centeio , cevada e aveia.

Use em alternativa farinhas sem glúten: amido de trigo sem glúten, farinha de arroz, farinha de pau, milho e fécula de batata.

  • Alimentos que podem ter glúten: enchidos e produtos de charcutaria, queijos fundidos, patés, conservas de carne e peixe, aperitivos, alguns tipos de gelados e guloseimas, sucedâneos de chocolate e café.

 

  • Alimentos que não contêm glúten: leite e iogurtes naturais ou de aromas, carnes e peixes frescos ou congelados, ovos, legumes, hortaliças e tubérculos, leguminosas, frutas frescas e secas, arroz, milho, tapioca e seus derivados, açúcar e mel, azeite e manteiga, sal especiarias em ramo ou em grão, vinagre de vinho, café em grão, todo o tipo de vinho e espumantes.

 

  • Regras para a confeção dos alimentos:
  1. Massas de pão, bolos, biscoitos e bolachas têm que ser cozidas no forno a temperaturas mais moderadas.
  2. Utilize, igualmente, um pouco mais de fermento e aumente a quantidade de gorduras e ovos .
  3. Adicione, no caso das bolachas e biscoitos, pequenas quantidades de nozes, amêndoas e avelãs à massa para compensar a falta de elasticidade.
  • Faça uma alimentação diversificada e saudável usando alimentos que possam ser consumidos por toda a família.

ABAAAAxGYAI-2

Exemplo de uma dieta saudável sem glúten:

Pequeno almoço : leite meio gordo simples ou iogurte sem açúcar, cereais ou pão sem glúten com compota , marmelada ou queijo fresco.

Meio da manhã: leite meio gordo ou iogurte natural ou aromatizado sem açúcar, pão, bolachas ou cereais sem glúten e uma peça de fruta.

Almoço: Sopa (incluindo sempre leguminosas - feijão, grão, lentilhas…) seguido de arroz ou batata ou massa sem glúten, quantidades moderadas de carne, peixe ou ovo , sempre acompanhadas de salada ou legumes cozidos. Terminar a refeição com uma peça de fruta. Acompanhar com água.

Moderar o consumo de sal e temperar sempre com azeite.

Meio da tarde : igual ao meio da manhã.

Jantar : igual ao almoço .

Partilhar

Deixa um comentário

O teu e-mail nunca é mostrado. Campos necessários marcados com *

*
*