PluriBlog

O POEMA ME LEVARÁ NO TEMPO

o-bj

O poema me levará no tempo
Quando eu já não for eu

Haverá então
um outro tempo                       onde cabe todo o tempo.

E caberás
eternamente tu
e eu,
que já não sou eu,
ecoando direi
o quanto te amei,
sem tempo.

E no anti-tempo,
rejuvenescendo
no teu ar absoluto.

Estrito amor,
do tamanho do corpo               ao tamanho do corpo
no tempo sem tempo .

Teresa Freitas in “ Infinita Leveza”

imagem: “O beijo” Gustav Klimt

Partilhar

Comentários (4)

  • Claudia Dourado

    Amei , esta lindo ☺

    Colocado a 30 Janeiro, 2015 às 20:53 | Permalink
  • Dra. Teresa Freitas

    Cara Cláudia
    Agradeço o seu comentário .
    O amor é isso mesmo… e devemos partilhar o que sentimos… para que mais o possam sentir!
    Até breve
    Teresa Freitas

    Colocado a 6 Fevereiro, 2015 às 10:12 | Permalink
  • NÁDIA SOARES

    O tempo não existe ….para quem ama de verdade ! Tudo o que fizemos nunca será esquecido ….pois feito com amor .

    Colocado a 7 Fevereiro, 2015 às 12:47 | Permalink
  • Adelaide Moreira

    É muito giro este post e inspirador!

    Colocado a 13 Fevereiro, 2015 às 19:50 | Permalink

Deixa um comentário

O teu e-mail nunca é mostrado. Campos necessários marcados com *

*
*